Capital e região

Capital e região (1419)

O Ceará foi o único estado da região Nordeste a reduzir a extrema pobreza em 2017, em relação ao ano anterior. Nesse período, o número de pessoas que vivia com até R$ 85 diminuiu 3,57%, o que significa que aproximadamente 25 mil pessoas deixaram essa faixa de renda. No Brasil, o aumento foi de 13,95%, passando de 8,7 milhões de pessoas em 2016 para 10,1 milhões no ano passado. Os indicadores foram calculados a partir dos microdados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua Anual (Pnad), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
 
O percentual de pessoas com rendimento até R$ 85 cresceu 13,95% no Brasil e 17,50% no Nordeste. Já o Ceará foi o único estado do nordeste brasileiro que reduziu a extrema pobreza”, destacou o governador Camilo Santana nesta terça-feira (22), na transmissão ao vivo via Facebook.
 
No Nordeste, os estados que apresentaram os piores resultados foram Piauí (36,36%), Bahia (31,58%) e Sergipe (28,38%).
 
No País, o Ceará foi um dos cinco estados a reduzir a extrema pobreza – os demais foram: Rondônia (-13,64%), Amapá (-10,77%), Tocantins (-6,82%) e Santa Catarina (-6,67%).
 
Regiões
 
Do ponto de vista regional, o maior aumento da extrema pobreza em 2017 foi registrado no Sul (22,22%). No entanto essa região tem a menor proporção de pessoas extremamente pobres do País. As regiões que possuem mais pessoas nessa faixa de renda, Nordeste e Norte, nessa ordem, apresentaram as seguintes variações: 17,5% e 11,29%. No Centro-Oeste o aumento foi de 18,18% e, no Sudeste, de 11,54%.
 
 
 
O analista de Políticas Públicas do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece), Jimmy Lima de Oliveira, afirma que o resultado é fruto da situação econômica do Estado. “Acreditamos que a boa situação fiscal e a manutenção dos investimentos públicos, inclusive na área social, impactam diretamente nesses índices. Agora, vamos investigar qual renda teve maior peso”, afirma o técnico que é um dos responsáveis pelo estudo “Extrema pobreza: uma análise comparativa dos estados brasileiros no período recente”, divulgado hoje pelo Ipece.
 
Com informações Governo do Estado do Ceará

O Ceará já vacinou 66,26% do público alvo da Campanha contra a gripe H1N1. Segundo dados do Ministério da Saúde, até a última segunda-feira, mais de 1 milhão e meio de pessoas já se vacinaram no Estado. A meta da Pasta é vacinar, pelo menos, 90% da população que compõe os grupos prioritários, o que totaliza 2.286.637 cidadãos. A campanha se encerra em 1º de junho.

O acesso à imunização, porém, não tem sido fácil para a população cearense, que tem enfrentado longas filas e, em alguns casos, a falta da vacina na rede pública de saúde, em Fortaleza. Até o momento, mais de 32 pessoas morreram no Estado em decorrência da doença este ano.

Neste primeiro momento, as vacinas são destinadas aos grupos considerados prioritários, que englobam pessoas a partir de 60 anos, crianças de seis meses a menores de cinco anos, trabalhadores de saúde, professores, povos indígenas, gestantes, e puérperas (até 45 dias após o parto) e pessoas privadas de liberdade.

Ceará Agora

A oposição lançou, nesta segunda-feira, em Fortaleza, a pré-candidatura do general Theophilo Gaspar ao Governo do Estado e perdeu dois aliados: o SD, do deputado federal Genecais Noronha, e o PSD, liderado pelo ex-vice-governador Domingos Filho. Genecias já havia decidido há duas semanas deixar a oposição e foi seguido pelo grupo de Domingos. Ambos são ligados ao presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (MDB). Eunício, que tenta renovar o mandato, constrói uma aliança com o PT e o PDT em apoio à reeleição do Governador Camilo Santana.

As articulações de Camilo Santana, do ex-governador Cid Gomes e do senador Eunício Oliveira impõem o mais duro golpe na oposição que tenta viabilizar a candidatura do General Theophilo Gaspar à sucessão estadual. Sem o Solidariedade e o PSD, a oposição fica restrita ao PSDB e PROS. O PROS tem o comando do deputado estadual Capitão Wagner que, nas eleições de 7 de outubro, concorrerá à Câmara Federal.

A saída do PSD e SD emagrece o tempo da propaganda da oposição no  rádio e na televisão e cria dificuldades para a eleição dos candidatos à Câmara dos Deputados e à Assembleia Legislativa. O PSDB tem três pré-candidatos à Câmara – Raimundo Gomes de Matos e Danilo Forte, que exercem mandatos, e o ex-vice-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa. Isolado, o PSDB elegerá dois deputados federais. Se fechar a aliança com o PROS, as duas siglas poderão eleger quatro ou cinco representantes à Câmara Federal. 

O semblante das lideranças do PSDB, durante a reunião no escritório do senador Tasso Jereissati que marcou o lançamento da pré-candidatura de Theophilo, era de frustração e decepção com a ausência de dois nomes que há até duas semanas oposicionistas convictos. O desempenho do pré-candidato do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes, contribui para o esvaziamento da oposição liderada pelo senador Tasso Jereissati.

Ceará Agora

A Assembleia Legislativa do Ceará aprovou, durante a sessão plenária desta quinta-feira (10/05), 15 projetos de lei, sendo sete de autoria do poder Executivo e oito de autoria parlamentar. O projeto de n° 48/18, que dispõe sobre a criação da Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública do Estado do Ceará (Supesp), foi aprovado com uma emenda do deputado Nestor Bezerra (Psol).

O projeto de lei n° 33/18, do Poder Executivo, autoriza a cessão de uso de bem público de dominialidade do estado do Ceará ao Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Também do Executivo, foi aprovado o projeto de lei n° 43/18, que autoriza a abertura de crédito especial para a reabertura da unidade orçamentária do Conselho Estadual de Segurança Pública.

Já o projeto de n° 45/18 regulamenta o art. 3° da Lei Federal 8.666/93, estabelecendo práticas e diretrizes para a promoção do desenvolvimento sustentável nas contratações realizadas pela administração pública estadual, e institui a Comissão Especial de Sustentabilidade da Administração Pública (CSAPE). O projeto recebeu três emendas do deputado Capitão Wagner (Pros).

Também de autoria do Executivo, o projeto de n° 46/18 autoriza esse Poder a ceder a posse de imóveis do estado do Ceará ao Complexo Industrial Portuário do Pecém. O de n° 49/18 autoriza a abertura de crédito especial pelo Poder Executivo.

Também foi aprovado o projeto de lei de n° 50/18, que altera o art. 1° da Lei Estadual n° 16.284, de 7 de julho de 2017. De autoria do deputado Dedé Teixeira (PT), o projeto de lei n° 01/17 denomina de Jaime da Cunha Rebouças a escola estadual de educação profissional no município de Icapuí. O projeto de lei n° 04/17, do deputado Walter Cavalcante (MDB), denomina de Paulo Moreira Brito o Instituto de Medicina Legal (IML/PEFOCE) localizado no município de Crateús.

A deputada Rachel Marques (PT) institui em seu projeto de lei n° 268/17 o Dia de Combate e Conscientização contra o Assédio nos Transportes Coletivos. Já o projeto de lei n° 294/17, do deputado Bruno Pedrosa (PP), institui o Dia Estadual do Perito Médico Legista no Estado do Ceará.

No projeto de lei n° 315/17 (), o deputado Agenor Ribeiro (PSDC) propõe a inclusão da Festa de Santo Antônio, padroeiro do município de Araripe, no Calendário Oficial de Eventos do Ceará. O deputado Osmar Baquit (PDT), por sua vez, sugere, no projeto de lei n° 317/17, a denominação de João de Araújo Carneiro para a escola estadual de 2º grau localizada no distrito de Damião Carneiro, município de Quixeramobim.

O projeto de lei n° 321/17 (), do deputado Dr. Santana (PT), considera de utilidade pública a Associação Mãos Solidárias, com sede no município de Juazeiro do Norte. Já o deputado Antônio Granja (PDT) propõe, em seu projeto de lei n° 98/16, a alteração do art. 1º da Lei nº 15.820, de 27 de julho de 2015, denominando de Mirabor Saldanha trecho da CE-368 que liga os municípios de Jaguaretama e Jaguaribe.

Na sessão plenária desta quinta-feira foram aprovados ainda 392 requerimentos consensuais.

Com Agência AL

 

A saída do PSD e do SD do grupo oposicionista significa, com base nas eleições de 2014, 406.793 votos a menos na corrida à Câmara Federal. A votação garante a eleição de dois deputados federais. O deputado federal Genecias Noronha (SD) recebeu, em 2014, 221.567 votos, enquanto Domingos Neto somou 185.226 votos. Genecias e Domingos talvez não repitam essa votação no dia 7 de outubro, mas, pelas previsões dos bastidores políticos, estarão entre os eleitos em 2018.

Os votos de Genecias Noronha o garantem a renovação do mandato independente de aliança com outros partidos. Os cálculos indicam que, para eleger um deputado federal, um partido ou coligação precisa somar, nas eleições de outubro, 190 mil votos. Ou seja, se repetir a votação de 2014, Genecias estaria eleito sem a necessidade do SD entrar em qualquer coligação. Uma conversa com o governador Camilo Santana e com o senador Eunício Oliveira o tirou do grupo da oposição e o levou para o bloco da situação.

O deputado federal Domingos Neto, que exerce o segundo mandato na Câmara, perdeu votos no conflito com a base governista após a extinção do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), mas conquistou outros colégios eleitorais e, se confirmada a sua adesão ao grupo de Camilo e Cid, a reeleição ficará bem mais tranquila. Domingos Neto será votado no segundo maior colégio eleitoral do Ceará, que é o município de Caucaia, onde estão mais de 210 mil votos. O prefeito de Caucaia, Naumi Amorim, já manifestou apoio à reeleição de Camilo Santana.

Discussão cada vez mais presente no dia a dia do Poder Público e dos cidadãos brasileiros, a segurança pública e os diversos aspectos que a constituem serão tema do Seminário Internacional sobre Segurança Pública, realizado pela Assembleia Legislativa.

O evento acontecerá nos dias 5, 6, 7 e 8 de junho, em diversos espaços da Casa.

A conferência de abertura do evento debaterá o pacto federativo e a segurança pública no Brasil, com Ciro Gomes, ex-ministro da Integração Nacional, no dia 5 de junho, às 18 horas, no Auditório João Frederico Ferreira Gomes, anexo II da AL.

“Vamos buscar medidas para conter o avanço da violência urbana. A Assembleia quer contribuir, quer fazer sua parte, e estaremos atuando de forma conjunta, de maneira a buscar sempre atender as demandas da sociedade”, afirma o deputado Zezinho Albuquerque (PDT), presidente da Assembleia Legislativa.

Objetivo
O evento visa fornecer indicações de caráter normativo para os Poderes Legislativos, assim como proposições, medidas e ações referentes a execuções de uma política de segurança pública resolutiva e com resultados concretos para os cidadãos. Com a realização do seminário, a Assembleia Legislativa busca contribuir para a construção de paz e de uma segurança cidadã no Ceará e no Brasil, por meio da efetivação do direito à segurança pública.

Experiências
Buscando o intercâmbio de experiências nessa complexa área de atuação, o evento contará com a participação de representantes do Poder Púbico e pesquisadores de diversos estados brasileiros, como Ceará, São Paulo, Bahia, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Pernambuco, assim como convidados de Portugal e países da América do Sul, como Colômbia, Venezuela.

Programação
Entre as demais conferências do evento, serão discutidos temas como os direitos e políticas sociais da América Latina, com José Augusto Lindgren, do Instituto de Políticas Públicas e Direitos Humanos do Mercosul; a experiência de Medellín, na Colômbia, na política de reversão à violência, com Jorge Melguizo,e o HUB da Segurança Pública no Ceará, com participação prevista do ministro extraordinário da Segurança no Brasil, Raul Jungmann.

E ainda
Realizado pelo Conselho de Altos Estudos e Assuntos Estratégicos da AL, o Seminário Internacional conta com apoio técnico-científico de professores da Universidade Federal do Ceará (UFC), da Universidade Estadual do Ceará (Uece) e da Universidade de Fortaleza (Unifor). A participação no Seminário Internacional sobre Segurança Pública da Assembleia Legislativa é aberta ao público, que poderá realizar inscrição on-line em breve.

Com informações da AL

A Secretaria Municipal da Segurança Cidadã, pasta responsável pela Guarda Municipal de Fortaleza (GMF), determinou abertura imediata de procedimento disciplinar interno para "apurar e adotar as medidas cabíveis" contra a conduta de dois agentes flagrados trocando carícias íntimas em público.

O casal estava na "Praia dos Crush" e foi repreendido por outros banhistas, incomodados com a situação. Irritado com a reação dos outros frequentadores da praia, o agente se identificou como policial e tentou intimidar a população.

Ele também atacou verbalmente uma mulher e chutou areia contra ela. A banhista reagiu e eles trocaram socos, chutes e joelhadas. Ao perceberem os ataques contra a mulher, outras pessoas chutaram e golpearam o agressor.

Em meio à confusão generalizada, policiais militares fizeram disparos para o alto com a intenção de dispersar o confronto.  Conforme a Polícia Civil, foi lavrado Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) contra a dupla por ato obsceno e lesão corporal

Confira o vídeo da confusão:   

 

O Povo Online

O senador Tasso Jereissati (PSDB) irá apresentar oficialmente na próxima segunda-feira, 21, o General Theophilo como representante dos tucanos na disputa ao Executivo estadual. Até agora, o militar é o principal nome na oposição ao governador Camilo Santana (PT), que irá tentar a reeleição.

“Estive reunido ontem com o Senador Tasso Jereissati. Tomei a decisão de entrar na política porque acredito na democracia, que é possível mudar o Ceará a partir da aliança das pessoas de bem, em um movimento renovador, fazendo que o Estado e os políticos voltem a cumprir seu propósito maior que é o de servir às pessoas e não a si mesmos”, comunicou o general no Facebook.

Theophilo tem passagem por setores estratégicos para a segurança nacional. Ele também tem experiência no combate ao tráfico de armas e drogas e controle das fronteiras. Até março, comandante de logística do Exército, o general possui histórico com as Forças Armadas que vai muito além dos 45 anos de serviço. Filho do general de brigada Manoel Theophilo Gaspar de Oliveira Neto, o pré-candidato pertence a uma das mais tradicionais famílias do Exército, com atuação desde o Império.

Ceará Agora

O número de mortes causadas pelo vírus H1N1 aumentou no Ceará neste ano. A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) divulgou o boletim semanal com os quantitativos que revelou 32 mortes por H1N1. Em comparação com a série histórica, o ano de 2018 tem a maior proporção de casos confirmados de Síndromes Respiratórias Agudas Graves (SRAG) com 237 casos, sendo 185 só de H1N1.

Das mortes mortes confirmadas, além das 32 causadas pela influenza H1N1, houve também uma morte pelo subtipo H3N2, duas por influenza A e quatro por influenza B, totalizando 39 óbitos no Estado causado pelas chamadas SRAG.

Segundo o levantamento, Capital e Região Metropolitana têm a maior incidência de casos, logo atrás vem o Sertão Central, Região Norte e Litoral Leste.

Até a quinta-feira, 17, foram confirmados 185 casos de H1N1. 41,6% dos municípios cearenses já confirmaram ao menos um caso de influenza neste ano. O índice de letalidade da doença chega a 16,5%.

Dentre os mortos confirmados pelas SRAG, 82,1% apresentavam um ou mais fatores de risco.

Neste fim de semana dois postos de vacinação estarão abertos em regime de plantão para imunizar a população de risco. O Posto de Saúde Paulo Marcelo (rua Vinte e Cinco de Março, 607 – Centro) e o Posto de Saúde de Messejana (rua Coronel Guilherme Alencar, s/n – Messejana) funcionam das 8 horas às 16h30min.

Ceará Agora

O presidente da Executiva Regional do Solidariedade (SD), deputado federal Genecias Noronha, participou, nessa quarta-feira, em Brasília, de encontro com representantes do Governo do Estado e o presidente do  Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira, para discutir a liberação de recursos destinados à área agrícola e, também, avaliar o cenário político estadual.

Genecias, que vinha participando de reuniões do bloco de oposição, negocia a entrada do SD no grupo de apoio à reeleição do Governador Camilo Santana e do senador Eunício Oliveira. A agenda do encontro de Genecias Noronha, com a presença do deputado estadual Walter Cavalcante (MDB), do Secretário da Casa Civil do Governo do Estado, Nelson Martins, e do Secretário do Desenvolvimento Agrário e Presidente Regional do PT, Diassis Diniz, passou pela integração do SD à aliança com PT, PDT e MDB.

De acordo com a assessoria de comunicação do Presidente do Congresso Nacional, durante o encontro com Nelson Martins, Genecias Noronha e Diassis Diniz, Eunício ouviu apelos para liberação de recursos federais para a instalação de cisternas em municípios do interior do Ceará, além de intermediação junto aos ministérios para a contemplação de ações a serem desempenhadas pela Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA). 

O presidente do Senado reafirmou seu compromisso em reforçar mobilização para que os projetos de interesse da população cearense possam ser atendidos. “Até o fim de maio todos os 184 municípios cearenses terão uma obra, uma ação, fruto de nosso intenso trabalho em prol do desenvolvimento do Ceará”, disse o senador cearense.

ELEIÇÕES 2018

Insatisfeito com os rumos da oposição nas eleições de 2018 no Ceará, o deputado federal Genecias Noronhas não apoia o pré-candidato do PSDB ao Governo do Estado, general Theophilo Gaspar, porque não o conhece, nem o tem como a melhor solução. Genecias defendia o nome do senador Tasso Jereissati ou do Capitão Wagner para candidato à sucessão de Camilo Santana.

Sintonizado com o senador Eunício Oliveira, Genecias se aproximou, nos últimos dias, da base de apoio ao Governo do Estado e caminha para oficializar a entrada do SD no bloco partidário da situação. Genecias, que, em 2014, recebeu 221.000 votos, ao lado da esposa e deputada estadual Aderlânia Noronha, é candidato a um novo mandato à Câmara Federal. A oposição já conta como certa a saída do Solidariedade da aliança com PSDB, PSD e PROS.

BATE PAPO

O encontro de Eunício com Genecias e os representantes do Governo do Estado entrou como destaque, nesta quinta-feira, 17, no Bate Papo Político, do Jornal Alerta Geral, entre os jornalistas Luzenor de Oliveira e Beto Almeida. O Alerta Geral é gerado pela Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza, e retransmitido para outras 24 emissoras no Interior. Acompanha a análise sobre o desdobramentos do encontro de Eunício, Genecias e Nelson Martins.

Ceará Agora

Publicidades

Usuários online

Temos 1515 visitantes e Nenhum membro online